Stanley Cup 2012 – Jeff Carter é o herói e Los Angeles vence novamente no Overtime


por Marcos Garcia

Repetindo o mesmo roteiro do jogo 1, o Los Angeles Kings voltou ao Prudential Center na noite deste sábado, (2), e bateu na prorrogação o New Jersey Devils por 2 x 1, garantindo a  vantagem de 2 – 0 na série final. Os gols da equipe californiana foram marcados por Drew Doughty e Jeff Carter em belas jogadas individuais. Pelos donos da casa, Ryan Carter descontou. A vitória foi a 1oº fora de casa dos Kings nos playoffs e a equipe aposta agora nos dois próximos confrontos em LA para se sagrar campeã. O primeiro deles acontece nesta segunda.

Jogadores dos Kings celebram nova vitória no OT (Foto: Bruce Bennet/GettyImages)

O Jogo

1º período

Após um começo nervoso de jogo e com poucas oportunidades, Los Angeles voltou a utilizar a tática de seu forte jogo físico para dominar New Jersey. Sem deixar os mandantes chegarem ao seu gol, foi a defesa californiana que apareceu para abrir o placar, em bela jogada individual de Drew Doughty e tiro forte no canto de Brodeur. Tentando responder rápido, os Devils criaram boa chance com Patrick Elias, mas o tiro passou a esquerda, um minuto após o gol. Com a ofensividade da equipe vermelha, LA só precisou trabalhar nos contra ataques e levou perigo em finalização de Mike Richards, defendida por Brodeur, levando a vantagem para a etapa seguinte.

Doughty comemora o seu belo gol (Foto:Bruce Bennett/GettyImages)

2º Período.

O predomínio de Los Angeles se manteve no 2º tempo, principalmente em saídas rápidas da zona neutra para a ofensiva e foi assim que Justin Willians criou a primeira boa oportunidade, parada pelo goleiro adversário. Desta vez sem resposta, New Jersey não encontrava formas de furar o bloqueio defensivo dos visitantes, que chegaram novamente com perigo em tiro de Colin Fraser. Sem ser pressionado, os Kings se mantinham no controle da partida, mas Martin Brodeur e suas defesas ainda deixavam New Jersey com condições de recuperação no último período.

3º Período 

Precisando sair e encaixar o seu jogo, os Devils voltaram melhor e conseguiram o empate logo aos 3 minutos, em tiro de Marek Zidlicky, desviado por Ryan Carter, em uma tática que ao longo de todo o playoff deu certo para a equipe. Com o jogo equilibrado, as chances diminuíram e a probabilidade de uma nova prorrogação crescia a cada minuto. O último lance perigoso veio a 18 segundos do fim, em tiro de Ilya Kovalchuk, que recebeu o puck livre na frente de Quick, mas não aproveitou.

Carter (cen.) empatou a partida em um belo devio de Puck (foto: Jim McIsaac/GettyImages)

Overtime

O tempo extra seguiu o estilo do 3º período, mostrando poucas oportunidades e muito nervosismo. Aos poucos, a experiência dos atletas de Los Angeles ia se impondo e a seis minutos do fim da primeira prorrogação, Jeff Carter fez grande jogada individual e serviu Dustin Penner. O camisa 25 não conseguiu passar pelos pads de Brodeur e o puck voltou novamente para Carter, que ajeitou o corpo e de longe, acertou um belo wrist shot no canto do gol e garantiu a segunda vitória de seu time na Stanley Cup 2012.

Melhores Momentos

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 3 de junho de 2012, em NHL e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: