Miami Heat é campeão da temporada 2011-2012 da NBA


por Lucas Vian e Guilherme Osinski

O Miami Heat sagrou-se bicampeão da NBA após bater o Oklahoma City Thunder no jogo 5 por 121 a 106.

Dirigentes e jogadores do Heat levantam o troféu de campeão. (Foto: Garrett Ellwood/NBAE/Getty Images)

Principal destaque
Sem dúvidas nenhuma o grande responsável pelo título do Heat foi o astro LeBron James. Ele conquistou seu primeiro campeonato da NBA após 9 temporadas sofrendo com críticas por não assumir a responsabilidade nos momentos mais importantes das partidas. Depois de 2 vice-campeonatos, um pelo Cleveland Cavaliers e outro pelo Miami Heat, Lebron colocou na cabeça que essa tinha que ser a temporada do seu primeiro título. Tanto que no jogo 2 da série quando o Thunder encostou no placar no fim do jogo o MVP da temporada deu uma bronca daquelas em seus companheiros. No quinto e decisivo jogo das finais James foi o cestinha do seu time, com 26 pontos, e terminou os playoffs com média de 30,3 pontos por jogo, e sua performance contra Oklahoma lhe rendeu o prêmio de MVP das finais. Merecido para quem tanto sonhou com esse título.

Praticamente imbatível em casa
 O mando de quadra foi decisivo para o Miami Heat. O time disputou 13 jogos na American Airlines Arena, em Miami, nos playoffs. Desses 13 jogos, apenas em 2 o time da Florida saiu derrotado, um contra o Indiana Pacers e outro contra o Boston Celtics. Na série final contra o Oklahoma City Thunder, Miami foi perfeito, vencendo os 3 jogos em seu ginásio.

Chris Bosh, Shane Battier e Mike Miller, em ordem. (Fotos: Getty Images)

Chris Bosh, Shane Battier e Mike Miller
Três jogadores fundamentais na conquista do título. Chris Bosh sofreu uma lesão no início dos playoffs, mas retornou na série contra o Boston Celtics, terminando a pós-temporada com média de 14 pontos por jogo. Sua importância vai além da parte ofensiva, já que ele cumpre importante papel na defesa também, fechando os espaços no garrafão devido a sua grande estatura, fator no qual o Miami Heat sofreu enquanto Bosh se recuperava. Shane Battier foi o responsável por converter 42 bolas de 3 pontos nos playoffs, quesito decisivo contra o Thunder, visto que Miami levou grande vantagem. Battier também tem grande bagagem na NBA, sendo um dos mais experientes do elenco. Já que Mike Miller foi o cara no jogo 5. Ele anotou 23 pontos, sendo que 21 foram em bolas de 3 pontos. Miami teve 53,8% de aproveitamento nos arremessos de 3 no quinto jogo, com 14 acertos em 26 tentativas, e Miller foi quem converteu 7 desses 14 arremessos.

O Jogo 5
Apesar da derrota, Kevin Durant, o astro do Thunder foi o cestinha da partida com 34 pontos. Seu companheiro de equipe Russell Westbrook também foi bem na partida fazendo 19 pontos e 6 rebotes. O verdadeiro destaque da partida foi o então eleito MVP, LeBron James, que fez um triple-double com 26 pontos, 11 rebotes e 13 assistências.

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 22 de junho de 2012, em Basquete e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: