São Paulo mantem o tabu de dez anos e vence o Palmeiras no Morumbi


por Raphaela Viscardi

Na tarde deste sábado, São Paulo e Palmeiras se enfrentaram no Morumbi em partida válida pela 28ª rodada do brasileirão. Os dois times entraram em campo precisando da vitória, mas mais uma vez o São Paulo obteve vantagem no clássico Choque- Rei jogando em casa. Com dois gols de Luis Fabiano e um golaço de Denílson, o tricolor venceu o Palmeiras por 3 a 0 e continua na luta pelo G4. Já o porco, ainda sonha em escapar do Z4. O São Paulo enfrentará o Vasco em São Januário, na próxima quinta feira. O Palmeiras pega o Coritiba em Araraquara, também no dia 11/10.

Primeiro tempo

 Só deu São Paulo no primeiro tempo. Aos 3 minutos, teve uma ótima oportunidade com um chute de Denílson, mas Bruno defendeu; no rebote, Paulo Miranda chutou e mais uma vez o goleiro saiu bem. No minuto seguinte, Cortez Cruzou na pequena área e Luis Fabiano chutou em cima de Bruno. O Palmeiras não teve oportunidades e não deu trabalho para Rogério Ceni. Daniel Carvalho e Valdívia tiveram dificuldades de aparecerem no jogo e mal conseguiram criar jogadas no campo de ataque. Barcos tentou chegar ao gol, mas todas as vezes foi desarmado pela defesa são paulina. Sua melhor chance foi aos 18’, quando chutou de fora da área e a bola passou rente à trave esquerda. O time da casa continuou apostando nos contra- ataques e conseguiu criar ótimas oportunidades. Aos 35 minutos, Lucas fez um ótima corte pra cima de Márcio Araújo, chutou pro gol e Bruno desviou, mas no rebote Luis Fabiano aproveitou e mandou para dentro do gol.  Aos 42 saiu o segundo gol do tricolor com uma bomba de Denílson de fora da área, sem chances para o goleiro.  Já no fim, o Palmeiras tentou chegar com Valdívia, mas Ceni desviou para escanteio.

Segundo tempo

Diferente do primeiro tempo, o Palmeiras começou indo mais para cima. Em menos de um minuto de jogo, Marcos Assunção cobrou escanteio, Barcos desviou de cabeça e Ceni fez uma ótima defesa. Aos 9’, Rogério cobrou falta, tentou o rebote e, na sequência,  Paulo Miranda pegou a sobra, mas chutou por cima do gol. O Palmeiras continuou indo para cima e aos 18 minutos teve uma boa oportunidade com Correa, Ceni defendeu e na tentativa de aproveitar a sobra, Luan foi travado por Paulo Miranda. Valdívia se lesionou e não tinha mais condições de continuar no jogo, porém, foi obrigado a ficar em campo já que Gilson Kleina já havia feito as três alterações. Aos 24 minutos, Paulo Miranda deixou Luis Fabiano livre na área e o atacante acertou de primeira para o fundo da rede. Depois do terceiro gol do tricolor, o jogo ficou mais lento e apenas o Palmeiras tentava ir para cima, no entando, sem nenhuma chance perigosa. Aos 38, Valdívia deixou o campo e o time visitante ficou com dois a menos, já que Artur já tinha sido expulso.  Aos 40, Denílson teve a última tentativa do jogo e bateu para cima do gol. O árbitro apitou aos 45 minutos.

Opinião da Jornaleira

O São Paulo foi muito superior no jogo. A defesa funcionou perfeitamente e o entrosamento no ataque garantiu a vitória. Já o Palmeiras, pecou no meio de campo e os craques do time quase não apareceram. Se não fosse as ótimas defesas do goleiro Bruno no primeiro tempo, o tricolor teria goleado. Apesar dessa derrota, o Palmeiras ainda tem chances de sair da zona do rebaixamento, já que vinha de uma sequência de três jogos vencendo no comando de Gilson Kleina. O tricolor precisa firmar a boa fase e só assim garantirá a vaga no G4.

São Paulo 3 x 0 Palmeiras

Local: Morumbi, São Paulo (SP)
Data-Hora: 6/10/2012 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa/SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse
Renda/Público: R$ 792.742 / 34.941 pagantes
Cartões amarelos: Welligton e Lucas (SP) / Henrique e Román (PAL)
Cartões vermelhos: Artur (PAL)

Gols: Luis Fabiano (34’/1ºT), Denilson (42’/1ºT) e Luis Fabiano (24’/2ºT)

São Paulo: Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rafael Toloi, Edson Silva, Cortez; Wellington (Maicon), Denilson, Jadson (Douglas), Lucas, Osvaldo e Luis Fabiano (Willian José). Técnico: Ney Franco

Palmeiras: Bruno, Artur, Maurício Ramos, Román, Juninho (Correa), Henrique, Márcio Araújo (Tiago Real), Marcos Assunção, Daniel Carvalho (Luan), Valdivia e Barcos. Técnico: Gilson Kleina

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 6 de outubro de 2012, em Campeonato Brasileiro 2012 e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: