Em solo indiano, Vettel vence outra vez e aumenta vantagem na liderança da Fórmula 1


por Paulo Semicek

O alemão Sebastian Vettel (RBR) venceu o Grande Prêmio da Índia de Fórmula 1 2012. Com o tempo final de 1h31m10s744, o atual bicampeão da categoria é o “rei” do circuito de Buddh, ganhando as duas provas disputadas em solo indiano. Completaram o pódio o vice-líder do campeonato, Fernando Alonso (2°/Ferrari) e o australiano Mark Webber (3°/RBR). Com o resultado, Vettel alcançou os 240 pontos, treze a mais que Alonso, restando apenas três provas para o fim da temporada (Abu Dhabi, Texas (EUA) e Brasil). 

Para desespero de Alonso, Vettel vence e amplia vantagem sobre ele no campeonato (Foto: Reuters)

Largada disputada

Webber tentou ultrapassar o companheiro de equipe na largada, mas Vettel fechou a porta logo de cara, e não foi mais ameaçado por ninguém durante toda a corrida. A disputa mesmo cabia a Alonso, que precisava ultrapassar as McLarens de Hamilton e Button. Ele conseguiu o feito na primeira volta, mas levou o troco depois, ficando a frente apenas de Hamilton. Massa e Senna mantiveram seus 6° e 13° lugares, respectivamente.

Mas Alonso finalmente alcançou seu objetivo inicial na 4°volta. Acionando a asa móvel, o espanhol superou Button, que também perdeu posição para Hamilton. Bastava a Alonso ir atrás de Webber, pois Vettel já abria 7 segundos de vantagem na liderança.

Brigas boas entre os médios, e caça de Alonso

No pelotão do meio, Bruno Senna fazia uma bela corrida. Superou o colega de equipe, Pastor Maldonado, e travou um bom duelo com Nico Rosberg (Mercedes), do qual saiu vencedor, e conquistou o 10°lugar, para não largar mais. 

Vettel disparava na frente, e 10 segundos depois Webber tinha um Alonso na sua cola, a 2 segundos. Aí veio a única rodada de pitstops. Nenhuma mudança considerável na parte da frente, à exceção de Massa, que perdeu o 6°lugar para Raikkonen, mas logo em seguida recuperou, também para não mudar mais de posição até o fim da corrida.

Pressão de Alonso dá resultado

O espanhol precisou adiar o “bote” em Webber por algumas voltas, já que o uso da asa móvel foi proibido durante um safety car. Mas, na 48°volta, não teve jeito, e Alonso assumiu a segunda posição.

Depois disso, não houve mais grandes surpresas. O assoalho de Vettel raspou e soltou faísca em um determinado momento, mas foi só um susto; Alonso cometeu erros no traçado e não conseguiu diminuir a larga vantagem do alemão. Sendo assim, Vettel cruzou com tranquilidade a linha de chegada, e conquistou seu quarto trunfo seguido na F1. 

Vettel não foi incomodado em terras indianas (Foto: Getty Images)

Opinião do Jornaleiro

Ninguém consegue para Vettel, muito menos a RBR. A equipe tem liderado todos os treinos, e nas corridas o ritmo se mantém, com certa vantagem. Vettel praticamente não foi ameaçado, e fez uma prova impecável na Índia, caminhando forte para o seu terceiro título.

Webber também teve papel fundamental. Mesmo perdendo o segundo lugar para Alonso, em termos de equipe, o australiano conseguiu segurar o espanhol, dando tranquilidade para Vettel fazer seu melhor desempenho e vencer de novo. Destaque também para o próprio Alonso, que enfrentou e venceu todos os adversários na pista (Button, Hamilton, Webber) antes de Vettel. Se tivesse largado em melhor posição, incomodaria o alemão.

Quanto aos brasileiros, um bom fim de semana. Massa passou por Buddh sem grandes reviravoltas, e terminou com um bom 6°lugar. Senna fez uma grande corrida, com ultrapassagens que até então ele não havia conseguido mostrar com tanta clareza na temporada, inclusive sobre o companheiro de equipe, Maldonado. Resta saber se terá futuro na Williams (Maldonado tem patrocínios maiores) ou se poderá começar a buscar outra equipe.

Confira a classificação final do Grande Prêmio da Índia 2012:

1 – Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) – 1h31m10s744
2 – Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – a 9s437
3 – Mark Webber (AUS/RBR-Renault) – a 13s217
4 – Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) – a 13s909
5 – Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) – a 26s266
6 – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 44s600
7 – Kimi Raikkonen (FIN/Lotus-Renault) – a 45s200
8 – Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes) – a 54s900
9 – Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) – a 56s100
10 – Bruno Senna (BRA/Williams-Renault) – a 1m14s900
11 – Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – a 1m21s600
12 – Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) – a 1m22s800
13 – Daniel Ricciardo (AUS/STR-Ferrari) – a 1m26s000
14 – Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) – a 1m26s400
15 – Jean-Eric Vergne (FRA/STR-Ferrari) – a 1 volta
16 – Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) – a 1 volta
17 – Vitaly Petrov (RUS/Caterham-Renault) – a 1 volta
18 – Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault) – a 1 volta
19 – Charles Pic (FRA/Marussia-Cosworth) – a 1 volta
20 – Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth) – a 2 voltas
21 – Narain Karthikeyan (IND/HRT-Cosworth) – a 2 voltas
22 – Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – a 5 voltas

Não completaram:
Pedro de la Rosa (ESP/HRT-Cosworth) – na volta 41
Sergio Perez (MEX/Sauber-Ferrari) – na volta 21

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 28 de outubro de 2012, em F-1 e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: