Penapolense surpreende e derrota Palmeiras aumentado a crise no alviverde


 por Renan Araujo

O Palmeiras perdeu para a Penapolense por 3×2, no estádio Pacaembu em São Paulo em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Paulista. A derrota sofrida de virada dentro de casa foi ainda mais vergonhosa porque o alviverde jogou com um jogador a mais durante praticamente todo o segundo tempo.

(Foto: Gazeta Press)

(Foto: Gazeta Press)

O resultado acende com ainda mais força a crise dentro do Palmeiras e aumenta a pressão da torcida, que já estava descontente com o empate contra o Bragantino na primeira rodada. Durante o jogo, foram ouvidas diversas queixas e pedidos para novas contratações. Ainda assim, parte da torcida seguiu apoiando o time durante o jogo. O time permanece com 4 pontos em sétimo lugar. Na próxima rodada, o verdão receberá o São Bernardo na próxima quinta-feira no Pacaembu.

Já a Penapolense, que disputa seu primeiro Campeonato Paulista, conseguiu aproveitar as poucas oportunidades que criou e teve como maior destaque o goleiro Marcelo, que salvou o time em pelo menos quatro boas chances do adversário. A equipe estreante subiu até o momento para o quarto lugar no Campeonato Paulista com 6 pontos. Alguns jogadores emocionados com a vitória chegaram a chorar ao fim da partida. A Penapolense recebe na próxima rodada o XV de Piracicaba no estádio Tenente Camargo, em Penápolis.

Festival de gols no começo, virada da Penapolense e início do desespero palmeirense

O Palmeiras começou o jogo em um ritmo muito forte, encurralando o adversário. Logo com um minuto Maikon Leite recebeu uma bola na área, bateu na saída do goleiro e quase marcou para o verdão. O Palmeiras seguiu pressionando e, aos 7 minutos, veio o gol. Ayrton bateu uma bela falta no canto direito para fazer o primeiro da partida.

A Penapolense, que mal havia passado do meio de campo mal deu chances para o Palmeiras comemorar. Aos 9 minutos, Guarú bateu falta, a bola bateu no travessão e entrou sem chances para o goleiro. E pouco tempo depois, o time estreante no campeonato paulista voltou a surpreender. Aos 14 minutos, o time visitante fez uma boa troca de passes na lateral. Rodrigo Biro cruzou na medida para Magrão mandar de cabeça para o fundo das redes.

Após o gol, o Palmeiras tinha dificuldades para chegar ao gol adversário e arriscava chutes de fora da área e cobranças de faltas, mas sem grandes perigos. A Penapolense também se contentava com o placar e pouco se arriscava no ataque. Mas foi o time visitante que teve mais uma chance no fim do primeiro tempo. Aos 44, após o lançamento longo Magrão aproveitou a falha da zaga e bateu. A bola passou à esquerda da meta e quase entrou.

Palmeiras com um a mais leva o terceiro gol, diminui, mas não consegue reagir

A Penapolense continuava bem organizada na defesa e não dava chances ao Palmeiras, mas aos 8 minutos, a equipe visitante teve Jailton expulso após atrapalhar uma cobrança de falta. Com um a mais, o Palmeiras partiu com tudo para cima do rival. Aos 17 minutos. Valdívia lançou na direita Maikon Leite que bateu cruzado exigindo ótima defesa do goleiro Marcelo.

Três minutos mais tarde, o Palmeiras teve mais duas ótimas chances, mas esbarrou na ótima atuação de Marcelo. Barcos recebeu lançamento na área e bateu de primeira. O goleiro tirou com o pé esquerdo. No lance seguinte, Vinicius passou pela zaga e bateu forte para nova boa defesa. Na sequência Valdivia mandou para fora.

Mas quem não faz leva e o Palmeiras viu isso na prática. Aos 29 minutos, em escanteio cobrado pela direita, Fernando Prass saiu errado do gol e Perez se antecipou à zaga para marcar o gol de cabeça. Com a desvantagem, o Palmeiras se desesperou, mas não conseguia atacar de maneira organizada e furar o bloqueio do adversário. Aos 44, Wesley cruza, Henrique desvia de cabeça e Luan completa para o gol. O gol acendeu uma esperança no time alviverde, mas não foi o suficiente para o time empatar.

PALMEIRAS – Fernando Prass; Ayrton, Maurício Ramos, Henrique e Wendel; Márcio Araújo, João Denoni (Vinícius), Wesley e Patrick Vieira (Valdivia); Maikon Leite (Luan) e Barcos. Técnico: Gilson Kleina.

PENAPOLENSE – Marcelo; Alex, Biro, Jaílton e Rodrigo Biro; Liel (Denis), Neto, Anderson Carvalho e Guaru; Fio (Perez) e Magrão. Técnico: Edison Só.

GOLS – Ayrton, aos 7, Guaru, aos 10, e Magrão, aos 14 do primeiro tempo; Perez, aos 30, e Luan, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Ayrton, Henrique e Wendel Santos (Palmeiras); Fio e Neto (Penapolense).

CARTÃO VERMELHO – Jaílton (Penapolense).

ÁRBITRO – Fábio Volpato.

RENDA – R$ 265.840,00.

PÚBLICO – 7.543 pagantes (7.974 no total).

LOCAL – Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP).

 

 

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 27 de janeiro de 2013, em Campeonato Paulista 2013, Futebol Nacional. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: