São Paulo faz três, leva virada, mas se classifica na Libertadores


 por Renan Araujo

O São Paulo levou uma virada incrível contra o Bolívar, em La Paz, na Bolívia. O time vencia por 3×0, mas acabou sendo derrotado por 4×3. Apesar disso, o time são-paulino se classificou para a fase de grupos da Libertadores, já que havia vencido o jogo da ida em São Paulo por 5×0. O time começou impondo um ritmo muito forte, mas por já obter vantagem tão larga naturalmente relaxou e, mesmo com a virada, em nenhum momento teve a classificação ameaçada.

Imagem

(Foto: EFE)

São Paulo faz três gols e abre larga vantagem; Bolívar diminui

O São Paulo começou o jogo com tudo e logo aos 2 minutos já fez o primeiro gol. Jadson cruzou na área e Luís Fabiano foi mais esperto para antecipar os zagueiros e o goleiro e colocar de cabeça para o fundo das redes. O time não relaxou e aos 15 minutos já veio o segundo gol. Osvaldo foi lançado na esquerda e na linha de fundo cruzou para Jadson completar para o gol.

O Bolívar ainda colocou uma bola na trave aos 29 minutos em chute de Álvarez, mas o lance não intimidou o time paulista. Aos 31 minutos, Osvaldo perdeu uma boa chance ao chutar para cima após cruzamento de Douglas. Aos 34 minutos, Luis Fabiano rouba a bola e deixa com Osvaldo, que lança Jadson. O camisa 10 devolve a bola para Osvaldo que só completa para as redes adversárias.

A classificação do São Paulo estava garantida, já que o Bolívar precisaria de nove gols para se classificar. Com isso, aos 37 minutos, o time boliviano descontou. Após falha de Paulo Miranda, Lizio recupera a bola e toca para Ferreira completar para o gol.

Bolívar se empenha e vira, mas resultado não é suficiente

O Bolívar foi para cima no segundo tempo já que não tinha outra alternativa. Cardozo exigiu boa defesa de Rogério aos 6 minutos e Arce exigiu nova defesa aos 11. Com a pressão veio o gol. Yecerotte cruza da direita e Cabrera completa de cabeça para o gol.

E aos 24, veio o empate. Lizio levanta na área e Cabrera cabeceia para marcar o gol. Com o forte ritmo do time boliviano e a acomodação do time paulista, o São Paulo era presa fácil para o ataque adversário. Logo, veio o gol da virada. Aos 29 minutos, Willian Ferreira bate pênalti forte e faz o gol.

Mesmo com a vitória, o time boliviano ainda precisava de mais cinco gols. O São Paulo conseguiu recuperar a defesa e não segurou o placar para não levar mais sustos. Apesar da virada incrível, o resultado não seria o suficiente para impedir a classificação são-paulina.

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 31 de janeiro de 2013, em Libertadores 2013. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: