Em Super Bowl cheio de emoções e com direito à apagão, vitória do Baltimore Ravens sobre o 49ers


por Marcos Garcia

O maior evento do esporte americano ganhou um novo capítulo na noite deste domingo, 3, quando Baltimore Ravens e San Francisco 49ers pisaram no gramado sintético do Superdome, em New Orleans, para a disputa do Super Bowl XLVII. Cercado de expectativa devido à presença de 2 irmãos comandando as equipes na sideline, o jogo desta temporada novamente foi decidido apenas nos minutos finais e coroou a equipe da AFC como a grande vencedora, batendo o rival por 34 x 31. O triunfo recolocou Baltimore no caminho das conquistas após 13 anos de jejum e marcou a aposentadoria mais do que especial do linebacker Ray Lewis, um dos maiores atletas de defesa na história da NFL.

A lenda Ray Lewis se despediu com outro título. (Foto: Matt Slocum/AP)

O Jogo

Ravens domina o 1º tempo e Joe Flacco brilha

Após um começo de Super Bowl com a posse de bola para San Francisco, a presença marcante da defesa de Baltimore nas trincheiras e parando Colin Kaepernick no jogo aéreo foi o que deu a tranquilidade para o ataque encaixar o seu jogo. Reconhecidamente bastante produtivo em jogadas terrestres, os Ravens decidiram apostar no bom momento do quarterback Joe Flacco, principal nome da franquia nos playoffs e abusaram dos passes, mostrando a variedade de receivers e de jogadas no playbook, culminando no 1º touchdown da partida, em conexão de 13 jardas do camisa 5 com Anquan Boldin na endzone dos Niners. Precisando do empate, os californianos apostaram no entrosamento entre Colin e Vernon Davis no jogo aéreo, marchando para 25 jardas defensivas do adversário que em grande desempenho de sua retaguarda apenas cedeu um FG de 36 jardas para David Akers, mantendo a vantagem.

Se a situação de San Francisco já se mostrava complicada no 1º período, as coisas pioraram nos 15 minutos seguintes. Em uma de suas primeiras posses buscando a virada, os Niners apostaram no rookie Lamichael James em uma corrida pela lado direito, mas o também rookie Courtney Upshawn, de Baltimore, conseguiu encontrar o adversário e forçou um fumble recuperado por seu time já na metade do campo, permitindo a Joe Flacco uma nova oportunidade no ataque. Inspirado, o QB completou passes firmes e usou o play action para conectar um lançamento perfeito na endzone, encontrando o TE Dennis Pitta em TD de 1 jarda e que abriu 14 x 3 no placar. Ainda no 1º tempo, Colin Kaepernick forçou um de seus passes e acabou interceptado por Ed Reed, novamente colocando o ataque de Baltimore em campo para mais uma vez pontuar, desta vez em passe de 56 jardas de Flacco para Jacoby Jones, que além de receber a bola, quebrou um tackle e usou velocidade para abrir 21 x 3 no marcador. Nem mesmo o Field Goal de Akers no fim da etapa diminuiu a fraca apresentação de San Francisco, abusando das faltas defensivas e pouco consistente no ataque.

A dupla Flacco e Jones assombrou os Niners. (Foto: Harry How/Getty Images)

Jacoby Jones faz história, Superdome fica sem luz e 49ers reage

Os últimos 30 minutos do Super Bowl 47 foram de fortes emoções, que se iniciou logo cedo, quando Jacoby Jones usou novamente sua velocidade para bater o time de especialistas do adversário e anotar um TD de retorno de Kickoff com a incrível marca de 108 jardas corridas de um lado do campo até o outro. Precisando de um milagre e 22 pontos atrás no placar, os Niners contaram com uma ajuda inesperada: Uma queda de energia no início do 3º período e que durou cerca de 30 minutos, forçou a paralisação do jogo e modificou a forma como as duas equipes se postaram no gramado logo após o retorno da partida. Mais concentrado, a equipe da Bay Area voltou ao jogo e passe de 31 jardas do seu quarterback na direção de Michael Crabtree. Logo em seguida foi a vez da defesa aparecer, primeiro forçando um 3 and Out e colocando o seu ataque em posição para anotar outro TD, desta vez em corrida de 6 jardas do RB Frank Gore diminuindo a diferença para 28 x 20, com mais de 15 minutos no relógio. 

Apagão de 30 minutos ajudou a equilibrar o jogo. (Foto: Charlie Riedel)

A sorte estava mesmo do lado vermelho, que voltou rapidamente ao ataque após um fumble atípico de Ray Rice ainda no campo de defesa. Com a bola na mão, Kaepernick tentou levar sua ofensiva para o empate, mas parou na defesa adversária e precisou se contentar com um FG. O último período foi aberto c0m um chute de 19 jardas para Baltimore, abrindo 31 x 23 no placar, rapidamente respondido pelo 49ers em TD de 15 jardas pelo chão, convertido por Kaepernick. Na tentativa da conversão dos dois pontos para empatar o jogo, melhor para os Ravens que mantiveram a liderança de 31 x 29, anotaram outro FG e conseguiram segurar o ataque final dos Niners, forçando o adversário a desperdiçar suas 4 tentativas de entrar na endzone e cedendo apenas um safety estratégico, que deu números finais de 34 x 31 ao Super Bowl e garantiu o 2º título de Baltimore e sua história.

Mesmo derrotado, Kaepernick mostrou que tem muito futuro. (Foto: Evan Vucci/Getty Images)

Curiosidades

– Foi a 1º derrota dos 49ers em um Super Bowl após 5 aparições e 5 títulos conquistados.

– John Harbaugh ainda não perdeu para o irmão Jim em jogos oficiais. A 1º derrota ja tinha acontecido na temporada regular de 2011.

–  Em 3  jogos  nos playoffs e contando o Super Bowl, o quarterback Joe Flacco, dos Ravens, conseguiu 11 touchdowns e não foi interceptado nenhuma vez, um recorde na NFL. Só ele e Joe Montana, em 1988, conseguiram estas estatísticas.

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 4 de fevereiro de 2013, em NFL e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: