Ronaldinho decide, Atlético-MG vence e segue 100% na Libertadores


por Vinicius Silva

O Atlético Mineiro recebeu o The Strongest-BOL pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores e venceu pelo placar de 2×1. Jô e R10 anotaram os gols para o Galo, enquanto Melgar descontou para o time boliviano. O clube mineiro, com o resultado, segue líder do Grupo 3 com 9 pontos, 100% de aproveitamento e a segunda melhor campanha da competição. Já o Strongest têm 3 pontos conquistados e ocupa a terceira posição do Grupo, atrás do São Paulo (4) e na frente do Arsenal-SAR (1).

Jô (esq.) e Ronaldinho (dir.) marcaram na vitória do Galo sobre o The Strongest (Foto: Reprodução/ Site Oficial Atlético-MG)

Jô (esq.) e Ronaldinho (dir.) marcaram na vitória do Galo. (Foto: Reprodução/Atlético-MG)


Strongest se fecha e Galo não consegue criar

Jogando no Independência, onde tem uma grande invencibilidade, o Atlético começou a partida pressionando a saída de bola dos visitantes, mas sofria com os ataques bolivianos pelo setor direito com as subidas de Marcos Rocha ao ataque.. Mesmo com os méritos do treinador Eduardo Villegas ao observar a fragilidade do lado direito alvinegro, foram os donos da casa quem assustaram mais. Aos 16, Tardelli chegou pela direita e finalizou para a defesa de Vaca. O rebote ficou para Bernard, que errou o chute, e a bola voltou para Tardelli, que arriscou novamente para acertar o marcador e Marcos Rocha chutar pela linha de fundo. No minuto seguinte, Ronaldinho deu passe espetacular para Jô, que tentou o cabeceio na frente de Vaca, que espalmou para fora.

Com 20 no cronômetro, os visitantes perderam ótima oportunidade. O atacante Reina deu bela arrancada, driblou três marcadores pela esquerda e cruzou rasteiro para Pablo Escobar, que chutou para fora. Depois, o Galo chegou novamente com perigo quando Bernard se livrou da marcação e finalizou para a defesa do goleiro. No rebote, Jô chutou fraco e deu tempo para Bajarano evitar o primeiro gol da partida. A primeira etapa acabou com uma boa marcação do time boliviano que impedia o Galo de criar jogadas ofensivas.

R10 aparece e decide a partida

O Strongest assustou primeiro nos  45 minutos finais. Após escanteio, Méndez finalizou, mas a bola passou a esquerda do gol de Victor. Aos 6, Ronaldinho teve oportunidade em uma cobrança de falta, mas acabou mandando por cima da meta. Quatro minutos depois, Pablo Escobar lançou na área, mas Victor ficou bom a bola e iniciou o contra ataque rápido. Tardelli cruzou para Bernard e o craque acertou a trave esquerda de Vaca. No minuto seguinte, o Galo conseguiu abrir o marcador. R10 fez jogada pela esquerda, balançou na frente do marcador e cruzou. O zagueiro boliviano desviou e a bola ficou para Jô completar para as redes.

O jogo continou com o Atlético mantendo a tranquilidade, trocando passes e envolvendo o adversário enquanto o Strongest tentava o empate em ataques. Aos 15, Solíz arrematou e Marcos Rocha salvou o empate. Tardelli conseguiu mandar a bola para o fundo das redes após receber na grande área, mas a arbitragem assinalou impedimento do ataque. O Galo continou superior no jogo e demorou pouco para que R10 aparecesse de novo. A estrela do time achou Marcos Rocha entrando na área e tocou para o lateral, que foi derrubado por Torrico na sequência do lance. Pênalti para o Atlético. R10 cobrou no canto para ampliar a vantagem mineira.  O time boliviano não conseguia assustar muito e tinha ataques isolados, mas aos 45 descontou com Melgar, após cobrança de escanteio.

Ficha Técnica

Atlético Mineiro 2 x 1 The Strongest

Atlético Mineiro: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver e Junior Cesar; Pierre (Gilberto Silva), Leandro Donizete, Tardelli, Ronaldinho e Bernard (Richarlyson); Jô (Alecsandro). Técnico: Cuca.

The Strongest:  Daniel Vaca; Bejarano, Barreira, Méndez e Torrico; Chumacero, Veizaga, Soliz, Cristaldo (Ramallo); Reina (Melgar) e Pablo Escobar. Técnico: Eduardo Villegas.

Cartões amarelos:  Leonardo Silva (CAM) Solíz, Torrico (STR)
Local: Independência, em Belo Horizonte
Data/Horário: 07/03/2013, às 21h30
Arbitragem: Daniel Fedorczuk, auxiliado por Maurício Espinoza e Gabriel Popovit (URU)

Confira os lances da partida no vídeo abaixo:

Anúncios

Publicado em 8 de março de 2013, em Libertadores 2013 e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: