Galácticos neutralizam os Leões turcos e dão grande passo no caminho da semifinal


por Jordan Marciano

As semifinais da UEFA Champions League ficaram mais próximas da equipe do Real Madrid, que venceu o primeiro confronto das quartas-de-final contra o Galatasaray, nesta quarta-feira (03), no estádio Santiago Bernabeu. Cristiano Ronaldo, Benzema e Higuaín determinaram os 3 gols de vantagem para o jogo de volta, que ocorrerá no próximo dia 9, no estádio Ali Sami Yen, na Turquia.

(Ronaldo e companhia comemoram o primeiro dos três gols em Madrid\Foto: Reuters)

Ronaldo e companhia comemoram o primeiro dos três gols em Madrid. (Foto: Reuters)

Leões não abandonam o ataque, mas Ronaldo e Benzema começam a festa

O Real Madrid recebeu o apoio de sua torcida e se mostrou favorito a sair vitorioso desde os primeiros movimentos do confronto. Os merengues tocavam a bola no meio de campo e na marca de 3, Di Maria recebeu no ataque e cruzou para o francês Benzema, que finalizou de cabeça, longe da meta dos Leões.

 Apesar de os visitantes buscarem um equilíbrio no minuto seguinte, a imposição espanhola continuou. Com isso, quando o relógio apontava 8 minutos, os donos da casa já estavam em vantagem no placar. O meia Ozil avançou pelo meio e deu um passe que deixou Cristiano Ronaldo em condições de chutar ao gol. O português, em um momento de ousadia e inteligência, dominou com a direita, deu um toque de canhota por cima do guarda redes e comemorou ao melhor estilo CR7, pedindo calma (1-0).

Entretanto, os turcos não ficaram apáticos com o gol sofrido e tentaram utilizar a experiência de Sneijder e Drogba, na tentativa de igualar o marcador no Bernabeu. Aos 11, o marfinense dominou na entrada da área adversária e driblou Varane, mas jogou a bola por cima do gol madrilenho. 4 minutos mais tarde, o meia holandês  recebeu perto da área do Real e arriscou o tiro. Porém, a redonda saiu ao lado direito da linha de fundo merengue.

Após as investidas sem sucesso dos visitantes, o time de Mourinho jogou com a estratégia de contra ataque para obter espaços na defesa turca. Por isso, na marca de 28, Essien realizou um cruzamento vindo da direita, que alcançou Karim Benzema dentro da área. O atacante dominou e chutou no fundo das redes de Muslera (2-0). O time comandado por Fatih Terim ainda quase diminuiu a vantagem galáctica, mas Diego López defendeu com os pés depois da finalização Eboué, aos 43 minutos.

Donos da casa diminuem ritmo e fecham a vitória com mais um gol

O treinador visitante decidiu melhorar a equipe ao arriscar a entrada de Gohkan Zan no lugar de Sneijder. Porém, em sua primeira jogada, Zan cometeu falta em Cristiano Ronaldo. A partida perdeu dinâmica na segunda etapa, pois o Real estava confortável com a vantagem de dois gols, enquanto o Galatasaray barrava na marcação adversária quando procurava o gol fora de casa. Por volta dos 9 minutos, Felipe Melo tabelou com Ylmaz e chutou de fora da área, diretamente nas mãos do goleiro merengue.

O Real Madrid só chegou com perigo quando o relógio alcançou 17 minutos complementares. O volante Xabi Alonso arrumou um ótimo passe para Di Maria, que correu e mandou no gol. Mas o goleiro Muslera estava bem posicionado e praticou uma defesa importante, a qual evitou um placar mais elástico a favor dos que jogavam de branco.

Mas o trabalho do guarda redes uruguaio não adiantou, porque Benzema foi substituído por Higuaín e o argentino aproveitou uma falha no sistema defensivo da equipe turca, aos 24, para desviar de cabeça e ampliar o resultado. Depois de balançar as redes, o atacante correu no banco de reservas e celebrou com o zagueiro Pepe (3-0).

Mesmo assim, os visitantes não desistiram de se lançar ao ataque. Aos 35, Selcuk arriscou da intermediária no canto direito da meta galáctica e obrigou López a cair de forma eficiente e bloquear mais uma tentativa dos Leões. Outras modificações táticas se realizaram, e o árbitro terminou a partida, aos 48 minutos.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID 3 x 0 GALATASARAY

Local: Estádio Santiago Bernabéu, em Madri, Espanha
Data: 03 de abril de 2013, quarta-feira
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Sven Moen (NOR)
Assistentes:Kim Haglund e Frank Andas (ambos da Noruega)
Cartões amarelos: Sérgio Ramos, Modric, Essien (Real Madrid); Nounkeu, Felipe Melo, Drogba e Burak Yilmaz (Galatasaray)

GOLS – Real Madrid: Cristiano Ronaldo, aos oito minutos do primeiro tempo, e Benzema, aos 28. Higuaín, aos 24 do segundo tempo.

REAL MADRID: Diego Lopez; Essien, Varane, Sergio Ramos e Fabio Coentrao; Khedira, Xabi Alonso, Di Maria (Pepe), Ozil (Modric) e Cristiano Ronaldo; Benzema (Higuaín)
Técnico:José Mourinho

GALATASARAY: Muslera; Eboue, Semih, Nounkeu e Riera (Amrabat); Altintop (Bulut), Felipe Melo, Selcuk Inan e Sneijder (Zan); Drogba e Yilmaz
Técnico: Fatih Terim

Anúncios

Publicado em 3 de abril de 2013, em Champions League 12/13 e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: