São Paulo vence o Atlético-MG e se classifica na Libertadores


por Raphaela Viscardi

São Paulo e Atlético-MG se enfrentaram na noite desta quarta-feira, no Morumbi, pela última rodada da fase de grupos da Taça Libertadores. O São Paulo entrou em campo dependendo de uma vitória sobre o Galo, além da derrota do The Strongest. E foi o que aconteceu. Após o Arsenal fazer dois a um em cima do time boliviano, o tricolor fez a lição de casa e venceu o Atlético-MG com gols de Rogério Ceni e Ademílson. Os times voltam a se enfrentar nas oitavas de final.

sp vence galo

Time comemora a classificação (Foto: Marcos Ribolli)

Jogo movimentado, mas sem chances de gol

Como o esperado, o São Paulo foi pra cima, no embalo dos 50 mil torcedores presentes. Logo aos cinco minutos, Osvaldo recebeu na esquerda e lançou para Aloísio, no meio da área, mas o atacante não conseguiu cabecear.  Apesar do jogo pegado, com seis faltas e um cartão amarelo, nos dez primeiros minutos, o São Paulo esteve paciente, buscando os espaços deixados pela defesa mineira, principalmente no lado direito. A primeira boa chegada do Atlético foi aos 26 minutos. Jô recebeu e chutou cruzado, a bola desviou na defesa e, por pouco, não surpreendeu Rogério Ceni. O São Paulo manteve o jogo no campo de ataque, mas sempre travado pela defesa atleticana. No último minuto, Ronaldinho cobrou falta com perigo, rente a trave superior de Rogério.

Lição de casa feita

Assim como no fim da primeira etapa, o São Paulo começou pressionando e marcando forte. Já o Galo, ficou totalmente recuado, na espera do contra-ataque. Aos quatro minutos, em uma tentativa de cruzamento, Carleto chutou direto para o gol e obrigou Victor a fazer uma defesa espetacular. Aos nove, Aloísio entrou sozinho na grande área e foi puxado por Leonardo Silva. Pênalti claro. Rogério Ceni cobrou e converteu. Jogo muito bem marcado e controlado pela arbitragem. O São Paulo apostou nos chutões, substituições e a famosa “cera”. Já o Galo, esteve mais ofensivo, principalmente nos contra-ataques. Ney Franco optou pela saída do Aloísio e entrada de Ademílson. Acertou em cheio. Aos 36, Ganso começou a jogada, Osvaldo lançou na área e Ademílson completou para o fundo do gol. O São Paulo segurou o resultado e garantiu a classificação.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 0 ATLÉTICO-MG

LOCAL: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
DATA/HORA: 17/4/2013, às 22h (horário de Brasília)
ÁRBITRO: Wílton Sampaio (GO-Fifa)
ASSISTENTES: Kléber Lúcio Gil (SC-Fifa) e Rodrigo Correa (RJ-Fifa)
RENDA/PÚBLICO: R$ 1.961.516,00 / 50.403 pagantes
CARTÕES AMARELOS: Rafael Toloi, Denilson, Paulo Henrique Ganso e Osvaldo(SPO); Richarlyson, Leonardo Silva e Pierre (CAM)
CARTÕES VERMELHOS: –

GOLS: Rogério Ceni, aos 11’/2T (1-0) e Ademilson, aos 36’2T (2-0)

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Paulo Miranda (Rodrigo Caio, aos 35’/2T), Lúcio, Rafael Toloi e Carleto; Wellington, Denilson e Ganso; Douglas, Osvaldo e Aloísio (Ademilson – 32’/2T (Fabrício – 44’/2T)). Técnico: Ney Franco.

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Richarlyson; Pierre, Leandro Donizete (Guilherme – 33’/2T), Serginho (Neto Berola – 12’/2T) e Ronaldinho Gaúcho; Luan (Alecsandro – intervalo) e Jô. Técnico: Cuca.

Anúncios

Publicado em 18 de abril de 2013, em Libertadores 2013 e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: