NHL – Stanley Cup Playoffs – Jogos do dia 02/05/13


por Marcos Garcia e Jordan Marciano

A terceira noite dos Playoffs da Stanley Cup contou com duas partidas pela conferência Leste e dois confrontos pela Oeste. No clássico canadense, o Ottawa Senators garantiu a primeira vitória da série contra o Montreal Canadiens. Também pela Leste, o Washington Capitals dominou o jogo partir do segundo período e virou para cima do New York Rangers. Já na parte Oeste da competição, o St. Louis Blues venceu o segundo duelo contra os atuais campeões do Los Angeles Kings. Enquanto isso, o Detroit Red Wings empatou a série com o Anaheim Ducks, em uma partida de 9 gols decidida no Overtime. Abaixo, os detalhes e os melhores momentos das partidas desta quinta-feira (02).

(Ducks chegaram ao empate dramático, mas Red Wings balançaram as redes no tempo extra\Foto: Divulgação: NHL.com)

(Red Wings comemoram gol no tempo extra\Foto: Divulgação: NHL.com)

Detroit Red Wings 5-4 Anaheim Ducks

De forma dramática a equipe do Detroit Red Wings chegou a igualdade na série decisiva contra o Anaheim Ducks ao bater o adversário fora de casa por 5-4, em uma vitória conquistada no overtime. O 1º período foi totalmente dominado pelos visitantes, que abriram 2-0 com facilidade e  surpreenderam os californianos. O gol de abertura do placar foi o mais bonito, marcado por Justin Abdelkader, em bela jogada individual que terminou em um Wrist Shot no ângulo de Hiller. Quatro minutos depois foi a vez de Damian Brunner aproveitar erro da zaga dos Patos e com tranquilidade fazer o 2º. A situação não mudou no período seguinte e logo no 1º minuto de jogo, Detroit chegou ao terceiro, com um desvio providencial do experiente Johan Franzen na frente do gol de Hiller.

Precisando dar uma resposta rápida para sua torcida, Anaheim finalmente entrou no jogo e diminuiu ainda no 2º período, com Sakko Koivu. A decisão ficou então para os 20 minutos finais, aonde a partida ficou emocionante. Com 20 segundos, Franzen colocou novamente o Red Wings no placar, mas com uma reação incrível e possível graças aos gols de Ryan Getzlaf, Kyle Palmieri e Bobby Ryan, os mandantes chegaram ao empate e levaram o jogo para overtime. Empolgada, a torcida dos Ducks tentou levar o time para uma virada histórica, mas logo no 1º lance da prorrogação, linda jogada individual e Wrist Shot certeiro de Gustav Nyquist para colocar números finais na incrível partida.

New York Rangers 1-3 Washington Capitals

No jogo 1 de uma das séries mais esperadas dos playoffs deste ano, vantagem para o Washington Capitals sobre os Rangers, após a vitória de virada em casa por 3-1 na noite desta quinta-feira.  Com um 1º período equilibrado e com chances para os 2 lados, o gol de abertura do placar ficou na conta de Carl Hagelin dos Rangers, em um Wrap Around que surpreendeu Braden Holtby e a defesa dos Caps. Essa seria a única falha do goleiro na partida e as 34 defesas do jogador possibilitaram a virada de Washington. Além do goleiro, outro destaque da equipe da capital se fez presente na partida.

Com o jogo já no seu 2º período, Alex Ovechkin mostrou todo seu oportunismo e no rebote colocou o puck no fundo do gol para empatar. A virada era questão de tempo e após belo passe do defensor Steve Oleksy, o disco ficou no stick de Marcus Johansson, que ganhou na velocidade da defesa e bateu por baixo de Lundqvist para fazer o 2º. Um minuto depois, Jason Chimera experimentou de longe e contou com um desvio de Matthew Perrault para enganar o goleiro adversário e fazer terceiro. No último período os Rangers tentaram ensaiar uma pressão, mas o grande desempenho de Holtby e a falta de produtividade no Power Play, impossibilitaram a reação.

Ottawa Senators 4-2 Montreal Canadiens

Quando o cronômetro marcava menos de 3 minutos no primeiro período, a equipe do Ottawa saiu em vantagem. Erik Karlsson começou a jogada da defesa e lançou Kyle Turris. O companheiro dominou pela esquerda e devolveu o puck para Karlsson, que desviou e saiu em comemoração (1-0). Durante o segundo período, o time da casa cresceu na partida e arrancou o empate. Perto dos 13 minutos, a posse do disco estava bastante disputada. Alguns jogadores caíram no gelo, na zona de defesa dos Senators, até que Rene Bourque pegou a sobra e bateu quase sem ângulo (1-1).

Os Habs aproveitaram o incentivo do seu torcedor e partiram em busca da virada. Com isso, logo aos 14 minutos, em um lance de Power-Play, Tomas Plekanec recebeu no lado direito e deu a assistência para Brendan Gallagher balançar as redes (1-2). O duelo seguiu com o Montreal na contenção das jogadas e do placar, mas no terceiro período os visitantes melhoraram e saíram do Bell Centre com a vitória.

Por volta dos 4 minutos, Silfverberg finalizou cruzado, do lado direito e venceu o goleiro Price (2-2). Quando o relógio marcava 14 minutos para o fim do jogo, Methot arriscou de longa distância e conseguiu a virada para o Ottawa Senators (3-2). A vitória foi decretada aos 17 minutos, quando Silfverberg chutou o puck e o guarda redes rebateu. Na volta, Guillaume Latendresse mandou para dentro (4-2).

Los Angeles Kings 1-2 St. Louis Blues

Os Kings precisavam da vitória para equilibrar o confronto, já que os Blues haviam vencido a primeira partida da série de 7 no último dia 30. Então, já nas deslizadas iniciais, a equipe visitante mostrou sua habilidade e experiência na tentativa de abrir o placar, o que resultou no primeiro gol dos Kings. Em um Power-Play de 5 contra 3, por volta dos 10 minutos, Richards chutou e Dustin Brown desviou no fundo da meta adversária (1-0).

Com a desvantagem, a equipe da casa acordou. Porém, mesmo com um Power-Play no segundo tempo, o St. Louis só alcançou o gol da igualdade já no último período do confronto. Aos 4 minutos da etapa final, Pietrangelo carregou o puck pela direita e cruzou na direção de Berglund, que marcou o gol de empate apenas depois do rebote (1-1).

Os Blues ficaram mais fortes, mas abusavam de perder as chances oferecidas pelo adversário para desempatar e sair com 2-0 de vantagem contra o Kings. A torcida azul pôde comemorar nos últimos segundos da partida, quando Stewart dominou o disco pelo lado direito e virou o jogo na esquerda, onde Barret Jackman teve espaço e conseguiu um wrist shot no ângulo do goleiro de Los Angeles (1-2).

Anúncios

Publicado em 3 de maio de 2013, em NHL e marcado como , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: