Especial Copa das Confederações: Belo Horizonte


por Paulo Semicek

A cidade de Belo Horizonte foi fundada em 1897, e é a capital do Estado de Minas Gerais. Com uma população atual de 2,3 milhões, segundo o IBGE, a cidade é uma das grandes metrópoles brasileiras, e receberá jogos da Copa das Confederações 2013 e da Copa do Mundo 2014.

(Foto: Arquivo-UFMG)

(Foto: Arquivo-UFMG)

Belo Horizonte (muitas vezes representada pela sigla BH) é a capital de um estado historicamente fundamental para o desenvolvimento econômico e sócio-cultural do Brasil. Além de um grande produtor de laticínios, Minas, como o nome já diz, tem uma atividade extrativista de mineirais intensa. É em terras mineiras que nasce o maior rio totalmente brasileiro, o Rio São Francisco. Vale destacar também as cidades históricas mineiras (Sabará, Ouro Preto, Mariana, entre outras), com forte apelo religioso e construções barrocas. Sobre Belo Horizonte, o grande monumento o Lago da Pampulha, pois em seu arredor estão a Igreja de São Francisco de Assis, um museu, o ginásio Mineirinho e o Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão.

Mineirão

Palco de grandes jogos do futebol brasileiro, o Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, foi inaugurado em 1965. Graças ao estádio, Cruzeiro e Atlético-MG, hoje os dois maiores times mineiros, conseguiram projeção nacional. O Atlético, conhecido com Galo, é o primeiro campeão brasileiro no modelo atual de competições nacionais, em 71, e fez grandes campanhas no fim da mesma década. Já o Cruzeiro, apelidado de Raposa, ganhou duas Libertadores (76 e 97), além de ser o campeão brasileiro com maior pontuação da história (100) em 2003. Seu recorde de público é de 132 mil pagantes, na final do estadual entre Cruzeiro e Villa Nova, de Nova Lima-MG. Em 2010, foi fechado para a reforma da Copa do Mundo, e reinaugurado para 62 mil torcedores. O estádio receberá, entre outros jogos, uma das semifinais da Copa do Mundo 2014.

(Foto: Divulgação - Governo Federal)

(Foto: Divulgação – Governo Federal)

Na Copa das Confederações, receberá os seguintes jogos:

Taiti x Nigéria – 17/06

Japão x México – 22/06

Semifinal 1 – 26/06

A obra

Com o valor final de cerca R$ 600 milhões de reais, o Mineirão ficou 3 anos fechado para as reformas. Nesse período, os times de BH tiveram que alternar seus jogos entre o interior mineiro e o Estádio Independência, inaugurado ano passado. Após a finalização das obras, o governo de Minas repassou a administração e manutenção do estádio para a empresa privada Minas Arena, que explorará comercialmente o local. No entanto, alguns problemas precisam ser corrigidos. Na reinauguração, com o clássico Cruzeiro x Atlético, faltou água, comida e organização do evento-teste da FIFA. Com isso, a Minas Arena foi multada em R$ 1,5 milhão pelo governo. O estádio está recebendo os jogos do Cruzeiro apenas. Alegando prejuízo financeiro, o Atlético-MG não aceitou o acordo com a Minas Arena, e mandará seus jogos no Independência.

(Foto: Lancenet.com.br)

(Foto: Lancenet.com.br)

Pontos turísticos

Pampulha

(Foto: Arquivo-UFMG)

(Foto: Arquivo-UFMG)

Cidades históricas

Cidade de Ouro Preto-MG (Foto: UOL)

Cidade de Ouro Preto-MG (Foto: UOL)

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 11 de maio de 2013, em Especiais e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: