Coritiba vira diante do Atlético e conquista tetra no Paranaense


por Gabriel Sawaf

Um empate bastava para o Coxa, mas não foi isto que se viu hoje a tarde no Couto Pereira. Mesmo saindo atrás do resultado, o Coritiba foi para cima e conseguiu virar em tarde inspirada do meia Alex, que marcou duas vezes.

Coritiba é tetra campeão do Paranaense. (Foto: Reprodução/Facebook)

Coritiba é tetra campeão do Paranaense. (Foto: Reprodução/Facebook)

Os times entraram com algumas alterações em relação ao confronto de domingo passado. No Atlético, Arthur Bernardes surpreendeu ao colocar o zagueiro Rafael Zuchi na lateral direita no lugar de Léo, que estava suspenso. Já no Coritiba, Marquinhos Santos tirou Willian, machucado, e colocou Júnior Urso.

 

1º Tempo
O Atlético começou melhor, não deixando o Coritiba agir muito, e logo aos 5 minutos chegou ao gol: Hernani chutou de fora e Vanderlei aceitou. Ai então o Coritiba tentava sair, mas o Atlético fechava bem e o time da casa não tinha chances. O Atlético teve a chance de ampliar com Crislan, mas o atacante chutou pra fora. O Coritiba achou seu gol, literalmente, Deivid foi desarmado e a bola sobrou para Alex, que só teve que chutar no canto para empatar. O Atlético sentiu o gol de empate e o Coxa conseguiu ir para cima, tento uma chance com Rafinha. Mas o segundo gol veio logo depois, em bobeira da marcação Rubro Negra, Alex ficou livre para marcar, o goleiro Santos defendeu, mas o meia fez no rebote. O Coritiba ainda teve 2 chances de fazer o terceiro gol ainda no primeiro tempo.

 

2º tempo
O Atlético sentiu a virada, e o Coxa dominou o jogo, tendo mais chances de ampliar o marcador e administrando o título, sem dar chances ao Furacão. Robinho perdeu uma boa chance de ampliar o marcador, Alex acertou duas vezes a trave, Rafinha e Geraldo também desperdiçaram boas chances. O Atlético só chegou com perigo uma vez, em cabeçada contra o próprio gol de Victor Ferraz. O jogo ainda teve uma expulsão para cada lado: Marquinhos Santos foi expulso após tentar atrapalhar Edigar Junio em uma jogada pela lateral, e Zezinho foi expulso após falta dura em Rafinha. Para coroar o excelente segundo tempo Coxa Branca, Geraldo chutou, a bola bateu em Bruno Costa, e entrou, fechando o placar em 3 x 1 e dando o 37º título paranaense ao Coritiba.

Ficha Técnica
Local: Couto Pereira, Curitiba, Paraná, Brasil.
Público/Renda: 24.872 pagantes/ R$ 614.442,00
Árbitro: Adriano Milczvski
Auxiliares: Bruno Boschilla e Ivan Carlos Bohn
Coritiba: Vanderlei, Victor Ferraz, Leandro Almeida, Chico, Escudero, Júnior Urso, Gil, Robinho (Geraldo),Alex, Rafinha (Lincoln) e Deivid.
Técnico: Marquinhos Santos
Atlético: Santos, Rafael Zuchi, Erwin (Elivelton), Bruno Costa, Heracles, Renan Foguinho, Hernani, Edigar Junio, Crislan (Bruno Pelissari) e Douglas Coutinho. Técnico: Arthur Bernardes.
Amarelos: Alex e Gil (Coritiba).
Vermelho: Zezinho (Atlético).
Gols: Alex e Geraldo (Coritiba); Hernani (Atlético)

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 12 de maio de 2013, em Futebol Nacional e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: