NHL – Stanley Cup Semifinal – Oeste – San Jose Sharks x Los Angeles Kings


por Jordan Marciano

Os atuais campeões da Stanley Cup estão em boa vantagem na semifinal dos playoffs da National Hockey League (NHL). Com a vitória por 4-3 sobre o San Jose Sharks, nesta quinta-feira (16), o Los Angeles Kings abriu 2-0 na série e precisa de mais duas vitórias para brigar pelo título da conferência Oeste. Em uma partida de reviravoltas no Staples Center, Jeff Carter e Drew Doughty fizeram dois de liderança ao LA, enquanto os tubarões viraram com Patrick Marleau, Brad Stuart e Marc-Edouard Vlasic. Porém, o time da casa conseguiu a reação nos segundos finais com gols de Dustin Brown e Trevor Lewis,que fechou o placar. O game 3 ocorrerá neste sábado (18), no HP Pavilion, em San Jose.

(Kings tomam a virada, mas reagem no final e saem vitoriosos. Foto: Divulgação/NHL)

(Kings tomam a virada, mas reagem no final e saem vitoriosos. Foto: Divulgação/NHL)

O Jogo

Os kings impuseram seu estilo de jogo no início e conseguiram abrir o placar aos 3 minutos. Carter dominou o disco no campo de defesa, avançou em velocidade e mandou o wrist shot rasteiro (0-1). Ainda nos primeiros 20 minutos, a equipe dos Sharks teve a oportunidade de empatar com o Power-Play, mas a defesa da casa era eficiente em afastar os perigos.

Durante o segundo tempo, o Los Angeles jogou melhor durante metade do período, aumentou o marcador, mas cedeu aos contra ataques adversários e sofreu o empate. Aos 3, depois de uma finalização, houve grande tumulto na frente da meta defendida por Niemi, o que trouxe dificuldade aos árbitros na separação da briga criada pelos atletas. A tranquilidade dos mandantes no placar veio com um Power-Play. Aos 4 minutos, Richardson lançou da direita para a esqueda, onde Doughty recebeu o puck, bateu cruzado e fez o segundo (0-2).

Os visitantes ameaçavam reagir, mas as investidas dos tubarões foram impedidas pelas belas defesas de Jonathan Quick. Entretanto, quando o relógio chegou nos 10 minutos, o puck de San Jose entrou. Depois de terminar o tempo com vantagem numérica, Boyle, Couture e Thornton fizeram a jogada que deixou Marleau livre para desviar nas redes adversárias (1-2). O empate ocorreu logo por volta dos 14. Gomez carregou pela esquerda e serviu Stuart na direita, que mandou um chutaço fora do alcance de Quick (2-2).

No terceiro tempo, o confronto se equilibrou, mas os tubarões deixaram a torcida do Staples Center preocupada após virar a partida. Na marca de 9, Vlasic aproveitou o miolo criado na frente da meta dos Kings e mandou o disco no fundo do gol (3-2). Depois do prejuízo, houve um Power-Play mal aproveitado pelo time de LA, mas a reação da casa ocorreu em outra vantagem numérica, com 103 segundos restantes no período. Brown arrumou um lance de backhand e colocou o Los Angeles vivo no duelo (3-3). Com os ânimos abalados, os Sharks tomaram a virada com 81 segundos no gelo. Lewis mandou o wrist shot da vitória (3-4).

Anúncios

Publicado em 17 de maio de 2013, em NHL e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: