Atlético-MG perde para o Cruzeiro, mas é o campeão mineiro de 2013


por Gabriel Sawaf

O Galo foi derrotado por 2 a 1 pelo Cruzeiro na última tarde de domingo no Mineirão, mas isto não estragou a festa de Ronaldinho e companhia, que abriram uma vantagem de três gols no primeiro jogo. O torcedor que foi a Pampulha viu um bom jogo. A Raposa foi para cima tentando reverter a situação, e o Atlético segurando o jogo e garantindo o título em um excelente segundo tempo. No fim do jogo, as duas torcidas celebravam o bom futebol apresentado, mas só a massa atlética podia comemorar o título, o segundo seguido.

galo_campeao

Ronaldinho comandou o Galo na conquista do título (Foto: Pedro Vilela)

1º Tempo

O Cruzeiro começou o jogo pressionando, empurrado pela energia de sua torcida, e teve a primeira chance do jogo com Borges, que chutou para boa defesa de Victor. O time celeste jogava bem e de forma ofensiva, e em uma jogada de velocidade de Dagoberto, o atacante paranaense foi derrubado dentro da área por Gilberto Silva, pênalti, que o próprio bateu e fez. O Galo respondeu um minuto depois com Jô e Tardelli, que chutaram em sequência para duas grandes defesas de Fabio.

Pouco depois, a Raposa teve a chance de fazer o segundo com Diego Souza, que chutou para fora. Em desvantagem, o alvinegro partiu para cima e chegou a balançar as redes com Tardelli, mas o atacante atleticano estava impedido. Um minuto depois, Borges se antecipou a Richarlyson, que ia dar uma bica para fora da área e acabou atingindo o atacante celeste, pênalti, que novamente Dagoberto bateu e converteu. O Atlético ainda chegou a botar uma bola na trave, após cruzamento, errado, de Marcos Rocha.

2º Tempo

O Atlético voltou melhor na segunda etapa, além de ficar mais com a bola, o time de Cuca não deixava o Cruzeiro atacar, e partiu para cima tentando garantir o título. O Galo teve três boas chances para diminuir, duas com Jô e uma com Rever, que pararam em Fabio e na trave. O time celeste só voltou para o jogo depois dos 20 minutos da etapa final, quando Diego Souza chutou para boa defesa de Victor. Marcelo Oliveira, tentando deixar o time mais ofensivo, tirou Borges e Diego Souza para a entrada de Anselmo Ramon e Ricardo Goulart, mas as alterações não fizeram o efeito esperado, e a Raposa ficava com a bola, mas não conseguia concluir.

Sem decair no jogo, o alvinegro continuava buscando espaço para chegar ao seu gol, e conseguiu. Egídio deu um presente para Luan, que avançou e ia entrando na área, até ser atingido pelo próprio Egídio, mais um pênalti, que Ronaldinho bateu e fez o gol do título.

Depois do gol atleticano, a equipe de Marcelo Oliveira foi para cima desesperadamente, e os atuais campeões aproveitavam e desciam em velocidade em contra ataques. Em um destes, Marcos Rocha fez bela jogada e chutou para ótima defesa de Fabio. Infelizmente, o jogo acabou com uma confusão: Luan fez falta dura em Dagoberto e foi expulso, após receber o cartão o jogador atleticano se jogou no gramado como se estivesse contundido, os jogadores do Cruzeiro ficaram irritados e foram para cima, a confusão se generalizou e até jogadores que estavam no banco se envolveram. O juiz Leandro Vuaden não conseguiu controlar o tumulto: não deu nenhum cartão e não acrescentou nada no tempo. Depois de toda a confusão, o jogo acabou e o Galo pode comemorar o bi campeonato Mineiro!

Ficha Técnica

Cruzeiro 2 x 1 Atlético Mineiro

Local: Mineirão, Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil

Público/Renda: 42.142/R$ 1.774.410,00.

Árbitro: Leandro Vuaden (RS)

Auxiliares: Rodrigo Pereira Joia (RJ) e Rodrigo Henrique Correa (RJ)

Cruzeiro: Fábio; Ceará (Mayke), Léo, Paulão e Egídio; Leandro Guerreiro, Nilton, Éverton Ribeiro e Diego Souza (Ricardo Goulart); Borges (Anselmo Ramon) e Dagoberto. Técnico: Marcelo Oliveira.

Atlético: Victor; Marcos Rocha, Gilberto Silva, Réver e Richarlyson; Josué, Leandro Donizete e Ronaldinho Gaúcho; Bernard (Luan), Diego Tardelli (Alecsandro) e Jô (Leonardo Silva). Técnico: Cuca

Amarelos: Borges, Leandro Guerreiro, Diego Souza e Nilton (Cruzeiro); Gilberto Silva, Ronaldinho e Leandro Donizete (Atlético).

Vermelho: Luan (Atlético).

Gols: Dagoberto (Cruzeiro); Ronaldinho (Atlético).

 

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 19 de maio de 2013, em Futebol Nacional e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: