NHL – Stanley Cup Semifinal – Leste – Jogos do dia 19/05/13


por Jordan Marciano

Mais dois duelos movimentaram o gelo norte-americano durante as semifinais dos playoffs da conferência leste, pela Liga Nacional de Hóquei (NHL). Neste domingo (19), em solo canadense, o Ottawa Senators deu uma respirada após bater o Pittsburgh Penguins no game 3 com um gol no segundo período do overtime, e diminuiu a série em 2-1. O quarto jogo entre Pens e Sens está marcado para quarta-feira (22), em Ottawa. Enquanto isso, o Boston Bruins fez uma bela partida no TD Garden, ganhou de 5-2 do New York Rangers e aumentou a vantagem no confronto em 2-0. O próximo encontro destas equipes ocorrerá nesta terça-feira (21), em Nova York.

(Sens marcam no overtime e diminuem o sufoco na série. Foto: Divulgação/NHL)

(Sens marcam no overtime e diminuem o sufoco na série. Foto: Divulgação/NHL)

Pittsrburgh Penguins 1-2 Ottawa Senators

Com o puck no gelo, os Pens se mostravam mais efetivos no primeiro período. Mesmo assim, a defesa da casa impedia os gols adversários e segurava o placar zerado. Houve vários hits entre os atletas, o que trouxe o estilo de jogo agressivo e empolgou os fãs que marcaram presença em Ottawa. Apesar de uma postura de mais qualidade no confronto, o Penguins não conseguiu aproveitar o momento de Power Play. Na realidade, a melhor chance da primeira etapa aconteceu com os Senators, que só não abriram o marcador porque Vokoun defendeu o tiro de Alfredsson com o calcanhar, aos 18 minutos.

No segundo período, duas penalidades contra os Sens resultaram em vantagem numérica de 5 contra 3 para os Pens. Novamente, a pressão dos visitantes não foi suficiente para furar a barreira criada pelos defensores canadenses, que ainda contavam com uma exibição inspirada do goalie Craig Anderson. Entretanto, após várias tentativas, o time de Pittsburgh teve êxito em uma finalização executada com 1 minuto restante antes do intervalo. Cooke dominou o disco na direita e finalizou em cima da zaga, mas Kennedy pegou o rebote e balançou as redes com um wrist shot (0-1).

Já no tempo complementar, as ações se equilibraram. Com as oportunidades criadas por ambas as equipes, os dois goleiros precisaram de grande trabalho para evitar os gols. Porém, os Senators tinham o empurrão da sua torcida, que não parou de acreditar e vibrou o gol de empate, por volta dos 19 minutos. O Power-Play era dos visitantes, mas Gonchar carregou pelo Ottawa e tocou na direita, onde Michalek finalizou. Enquanto o disco fazia sua trajetória reta em direção ao gol, Alfredsson conseguiu o desvio que impossibilitou a defesa do guarda redes Vokoun (1-1). Depois do tempo regulamentar, as equipes não pareciam cansadas. Os Penguins arriscaram com maior intensidade, mas movido pelo incentivo dos fãs canadenses, aos 8, Greening arrumou um backhand e marcou o gol de ouro do Ottawa Senators (1-2).

New York Rangers 2-5 Boston Bruins

O TD Garden ficou um pouco apreensivo no início da partida, pois o time da casa não tinha sucesso em encaixar os ataques contra o adversário. Porém, o Boston Bruins não perdeu as chances ofertadas. Apesar da superioridade dos Rangers, os Bruins fizeram um excelente trabalho defensivo e conseguiram abrir o placar. Na marca de 6, após um belo bloqueio no ataque de New York, Krug mandou um snap shot e saiu em comemoração (0-1). Entretanto, com a desvantagem, a equipe de Boston se acomodou e sofreu o empate. Por volta dos 8, Callahan aproveitou um erro de passe do oponente, deslizou com velocidade sozinho e tirou o goleiro Rask do lance, com um wrist shot (1-1).

(Bruins aproveitam o último período e concretizam a segunda vitória contra os Rangers. Foto: Divulgalçao/NHL)

(Bruins aproveitam o último período e concretizam a segunda vitória contra os Rangers. Foto: Divulgalção/NHL)

Já no inicio do segundo tempo, os mandantes pressionaram o disco na zona defensiva adversária, encurralaram os Rangers e tomaram a liderança do placar outra vez. Quando o relógio chegou aos 2, Krug fez uma boa jogada pela esquerda e deu a assistência ao seu companheiro Campbell, que finalizou de backhand e deu ânimos aos fãs de Boston (1-2). Assim como no período inicial, os mandantes não foram responsáveis em assegurar o bom resultado e favoreceram a estratégia dos visitantes, que alcançaram outra igualdade com rapidez.

 Aos 3, Nash carregou pelo lado direito com habilidade, passou pela marcação e jogou o puck no lado esquerdo da meta de Rask (2-2). Depois do empate, o New York ameaçou impor o ritmo de jogo, mas o adversário anulou o comando dos visitantes e anotou o terceiro tento. Na marca de 12, Marchand tocou atrás, onde Boychuk mandou o disparo de longe, da maneira que o guarda redes Lundqvist não pôde defender (2-3). No terceiro período, além de brigas no gelo, os Rangers se desestabilizaram e facilitaram os trabalhos ofensivos de Boston. Com isso, Marchand recebeu o cruzamento de Bergeron e marcou o quarto, aos 26 segundos do tempo complementar. Já na marca de 12, Lucic achou um wrist shot e decretou a vitória da equipe da casa (2-5). Ainda houve um Power-Play em favor do New York Rangers, mas durante esta vantagem numérica, Boston quase fez o sexto. Paille carregou livre na frente de Lundqvist e finalizou na trave.

Anúncios

Publicado em 20 de maio de 2013, em NHL e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: