NFL 2013/2014 – O que esperar do seu time: NFC Leste


por Leonardo Siqueira e Marcos Garcia

Dando sequência aos posts especiais sobre os 32 times que irão disputar a temporada 2013/2014 da NFL (National Football League), hoje é dia de falar sobre a NFC East, divisão que concentra 4 das mais importantes e populares franquias da liga. Saiba qual é a expectativa para cada uma delas neste ano. 

Washington Redskins

Muitos torcedores e críticos acreditam que esse possa ser o ano do Washington Redskins. Após várias temporadas acumulando decepções, a franquia ressurgiu em 2012 sob o comando do rookie sensação Robert Griffin III e voltou aos playoffs. Se recuperando de uma cirurgia no joelho, o segundo anista deve estar 100% para a semana 1 e continuará ditando o ritmo de seu ataque, abusando das jogadas de option. Para ajudar a não sobrecarregar o camisa 10, a parte ofensiva de Washington ainda conta com Pierre Garcon, que subiu um degrau na posição de Receiver no último ano e Alfred Morris, RB segundo anista que surpreendeu até o mais otimista torcedor dos Redskins em 2012, ganhando a titularidade.

No outro lado da bola, a defesa que segue sob o comando do veterano LB London Fletcher, precisa mostrar melhoras na secundária, apesar de nenhuma grande contratação para o setor. Com um pouco mais de regularidade e segurança defensiva, os sonhos antes utópicos dos torcedores de Washington podem se tornar realidade em 2013.

Todo cuidado é pouco para que Griffin III volte 100% em 2013 (Evan Habeeb-USA TODAY Sports)

Philadelphia Eagles

Uma das maiores decepções de 2012, o Philadelphia Eagles tenta se reerguer nessa temporada apostando na discrição e em algumas mudanças. A principal delas aconteceu no comando técnico da equipe, que não terá mais a presença marcante de Andy Reid na sideline, após 14 anos na franquia. A aposta dos Eagles recairá então sobre os ombros de Chip Kelly, treinador de muito sucesso no futebol universitário de Oregon e que pretende dar uma cara nova ao esquema de jogo do time. Dentro de campo, Michael Vick novamente terá que lidar com a pressão de bons resultados e pra se manter saudável, já que além de ter Nick Foles como sombra, o veterano QB tem agora também a companhia de Matt Barkley, draftado apenas na 4º rodada, mas que possui talento para tentar roubar a posição do companheiro no time titular.

O ataque ainda segue no ritmo de Lesean McCoy e Desean Jackson, mas a dupla passou mais tempo se recuperando de lesões em 2012 do que dentro de campo e o cenário precisa ser totalmente diferente nesta temporada.  O draft de Lane Johnson, OT, como 4º escolha geral foi um indício da preocupação dos Eagles em relação a qualidade de sua linha ofensiva, que assim como a secundária, precisa ser mais regular e confiável.

Barkley e Vick prometem uma briga sadia pela posição (Usa Today Sports)

New York Giants

A expectativa para o Campeão do Super Bowl era grande. Mesmo assim, pesava o retrospecto de sempre “pipocar” quando era favorito. É fato que ninguém esperava uma campanha tão boa de RGIII logo em sua primeira temporada, mas ficar fora dos playoffs não pegou bem para o Giants. Para essa temporada, nada menos que 5 titulares saíram do time, entre eles o recebedor Ahmad Bradshaw e o DT Chris Canty. Levando em conta que a NFC East tem sido a mais disputada das ultimas temporadas, não é de se espantar que Eli não consiga levar o time aos playoffs. Porém, voltando ao retrospecto, quando a equipe não é favorita tende a fazer uma campanha melhor…

Eli Manning e seus companheiros não terão vida fácil na NFC (Tim Farrell/The Star-Ledger)

Dallas Cowboys

Há tempos que o Cowboys vive do passado. Em qualquer roda de amigos, quando criticado, o torcedor do America’s Team sempre fala nos anos 90. A pergunta é: Quando Dallas terá um time daquele novamente? Posso dizer com certeza que não será nessa temporada, mas está caminhando para isso. Mesmo muito contestada, a manutenção de Romo no comando do ataque foi uma das melhores coisas que poderiam acontecer aos Cowboys. Querendo ou não, nas ultimas 3 temporadas a equipe foi à ultima semana com chances de playoff, mesmo sem ter um jogo corrido bem estabelecido. Para essa temporada, Bryant precisa subir de rendimento, DeMarco Murray precisa ser mais consistente nas corridas e Romo precisa, obviamente, se manter sob controle e diminuir as interceptações. Temporada de ajustes para o time, não deve chegar aos playoffs.

Criticados, Jason Garret e Tony Romo precisam levar Dallas longe em 2013 (AP PHOTO/TONY GUTIERREZ)

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 16 de julho de 2013, em NFL e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: