NFL 2013/2014 – O que esperar do seu time: AFC Oeste


por Marcos Garcia e Leonardo Siqueira

Dando continuidade ao especial do Jornaleiros do esporte que apresenta as novidades das 32 equipes da NFL (National Football League) para a temporada de 2013, hoje é dia de falar sobre a AFC Oeste, divisão de Denver Broncos, San Diego Chargers, Kansas City Chiefs e Oakland Raiders, bastante conhecida pela rivalidade de seus oponentes e o fanatismo das torcidas.

Kansas City Chiefs

A missão do Chiefs nessa temporada é de renovação. Após uma temporada horrível, a equipe tenta se remontar para começar, literalmente, do zero. A contratação de Alex Smith, ex QB do 49’ers, e o chegada de Andy Reid como head coach, vindo do Eagles. Smith precisa de tempo para seus passes, o que justifica a chegada de Eric Fisher (OT), de Central Michigan, Travis Kelce, tigh end vindo de Cincinnati que pode ser uma boa opção de passe, e o center Eric Kush, da California. Para ajustar um dos principais déficits do time, a defesa aérea, Sanders Commings, cornerback que pode atuar também como safety. Em uma temporada em que o time pretende recomeçar um trabalho inteiro, o Chiefs faz o certo: Traz um novo coach, um QB que já mostrou força e jogadores draftados. Não chegará aos playoffs, mas espera-se uma evolução grande. Vale ficar de olho em Alex Smith.

Alex Smith é o novo líder em Kansas (USATSI)

Denver Broncos

Muitos julgaram errada a decisão de Peyton Manning quando ele anunciou que jogaria em Denver. Além de um elenco que, no papel, não parecia ser forte, o fator saúde era imprevisível. Mesmo assim, o Broncos foi incrível. O irmão mais velho, julgado por alguns ultrapassado, voltou jogando muito, ousando e desfilou na liga. Além de conseguir uma virada quase impossível, contra o Chargers, no Monday Night Football, a equipe terminou no primeiro lugar geral da liga e só teve seu caminho ao Super Bowl interrompido pelo campeão, Ravens. Para essa temporada, o Broncos é um dos favoritos. Além de trazer nome draftados para a defesa, a principal contratação foi o recebedor Wes Welker, vindo de New England. Não se sabe como a equipe deve reagir com o status de favorito, mas sabe-se muito bem que Peyton Manning não sente o peso e, por isso, deve levar o time aos playoffs. A tabela é complicada, mas essa parceria Manning-Welker deve dar muito o que falar.

Welker, o novo brinquedo de Manning em Denver (DenverBroncos.com/Eric Lars Barkke)

Oakland Raiders

Após pegar uma franquia em frangalhos depois da morte do lendário AL Davis, o novo presidente dos Raiders, Reggie Mckenzie, tenta reconstruir o time em 2013, apostando na dispensa de muita gente e na chegada de alguns atletas que ainda precisam mostrar ao que vieram na NFL. Em relação ao último ano, as perdas mais importantes se dividem entre ataque (Carson Palmer, Darrius Heyward-Bey e o TE Brandon Myers) e a defesa (Richard Seymour, Philip Wheeler, Desmond Bryant, Michael Huff, Dave Tollefson e Rolando Mclain) jogando fora um grande investimento feito nestes atletas nos últimos anos. As novas apostas passam pelo trio de Qbs Matt Flynn, Tyler Wilson e Terrelle Pryor, brigando em condições iguais pela titularidade no training camp e chegam até os novos defensive backs Tracy Porter, Mike Jenkins e o veterano Charles Woodson, além da 1º escolha de Oakland do draft em 2013, arD.J Hayden. 

Como boas armas já estabelecidas no elenco, o RB Darren McFadden e os WRs Jacob Ford e Denarius Moore vão precisar  chamar a responsabilidade, mantendo a maior posse de bola em suas mãos quando o ataque estiver em campo. O setor também ganhou o reforço do experiente Joshua Cribbs, experiente receiver e Punt Returner q fez sucesso em Cleveland e quer mostrar que ainda tem folego. Com muitas mudanças, o ano é de reformulação para os Raiders.

A briga pela posição de QB titular está aberta em Oakland (Lacy Atkins, The Chronicle)

San Diego Chargers

Sob novo comando, Tom Telesco na presidência e Mike McCoy no banco, o San Diego Chargers entra em 2013 para apagar as decepcionantes campanhas dos últimos anos e voltar a dominar a AFC Oeste. Para isso, a equipe californiana decidiu apostar em alguns reforços mais estratégicos e confia que alguns atletas que já estavam no elenco, melhorem o seu desempenho. Com 59 turnovers combinados nas últimas duas temporadas, o QB Philip Rivers tem um ano de desafios a sua frente e não pode ir mal novamente. Além de Rivers, outros jogadores do ataque de San Diego precisam entrar no ritmo, como o RB Ryan Mathews, alvo de muitas lesões e fumbles e o WR Robert Meachem, contratado para substituir Vincent Jackson. No lado ofensivo da bola, os Bolts ainda contam com um promissor grupo de recebedores liderado por Vincent Brown, Danario Alexander, Malcolm Floyd, Antonio Gates e o Third Round Pick Keenan Allen. Para proteger seu QB, a franquia apostou em DJ Fluker, campeão universitário na linha ofensiva de Alabama. A grande contratação ofensiva foi Danny Woodhead, ex-patriots e que pode ser encaixado em vários esquemas.

A defesa manteve sua base e ainda adicionou alguns nomes interessantes. O 1º deles é o veterano Dwight Freeney, campeão com os Colts e que mesmo mais veterano, pode ajudar os Chargers em situações de 3º descida e de mudanças de esquema. 1º escolha da franquia em 2012, Melvin Ingram quer se manter longe das lesões e ganhou a companhia de Manti Te’0, Linebacker talentoso de Notre Dame, mas que sofreu com polêmicas pré-draft. Ao lado de Takeo Sparks,  Jarret Johnson e Donald Butler, o calouro pode brilhar no seu 1º ano e os Chargers podem voltar a competir por um lugar nos playoffs.

Te’o e os Chargers precisam superar as expectativas em 2013 (K.C Alfred)

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 22 de julho de 2013, em NFL e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: