Walter perde pênalti e Flu vence por 1×0


por Vinicius Silva

No jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, o Fluminense recebeu o Goiás no Maracanã e saiu com a vantagem por 1×0. Samuel marcou o gol dos cariocas, que podem apenas empatar em Goiânia para chegar às quartas. O próximo confronto está marcado para a próxima quarta feira (28), às 19h30. Antes disso, o Flu encara o São Paulo fora de casa, enquanto o Goiás visita o Internacional.

Fred (esq.) e Samuel (dir.) comemoram o gol do Flu (Foto: Divulgação Fluminense)

Fred (esq.) e Samuel (dir.) comemoram o gol do Flu (Foto: Divulgação Fluminense)

Samuel abre o placar com gol sofrido

Os visitantes estiveram melhor durante boa parte do primeiro tempo, mas foi o time comandado por V. Luxemburgo que assustou primeiro. Aos 15, Samuel passou para Carlinhos, que arrematou para a defesa de Renan. Depois, aos 26, Fred testou firme, mas a bola carimbou o travessão. Só aos 29 que o Goiás chegou com perigo. Walter arriscou de fora da área e obrigou Cavalieri a se esticar e praticar ótima defesa.

Aos 32, Renan salvou os goianos ao tirar a bola dos pés de Fred. Hugo voltou a assustar com outro arremate de longe, mas dessa vez o goleiro tricolor defendeu firme. O Flu foi se encontrando em campo e, aos 42, abriu o marcador. Renan saiu mal do gol em um cruzamento e depois de um longo bate rebate, Samuel conseguiu balançar as redes.

Cavalieri pega pênalti e salva o Flu


Logo com 5 minutos, Renan Oliveira recebeu em velocidade, passou por Diego Cavalieri e arrematou. Gum colocou a mão na bola e o juiz marcou a penalidade. Na cobrança, Walter bateu forte, mas Diego Cavalieri caiu no canto certo e praticou a defesa. Aos 10, o tricolor deu o troco. Carlinhos cruzou na área, a zaga esmeraldina ficou desatenta e quase que Samuel amplia o placar. O jogo começou a ficar muito preso no meio campo. Deco e Diguinho entraram e usaram a experiência para prender mais a bola e manter o Flu com a posse da pelota.

O time de Enderson Moreira só voltou a assustar aos 36, em mais um chute de longa distância. Dudu Cearense arriscou e Cavalieri defendeu. No minuto seguinte, Walter foi quem arriscou, mas o goleiro tricolor ficou com a bola novamente. Aos 45, Cavalieri se consagrou. Após escanteio, Walter tocou na bola, mas o goleiro fez uma defesa espetacular e salvou a vantagem adquirida.

Ficha Técnica:
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro;

Data/Hota: 21/08/13, quarta feira, às 21h50.
Público:16.600 pagantes e 20.083 presentes

Renda: R$ 260.420,00
Arbitragem:
Marcos Andre Gomes da Penha (ES), auxiliado por Rogerio Pablos Zanardo e Daniel Paulo Ziolli (SP);

Cartões amarelos: Jean, Gum (FLU) Walter (GOI);

Fluminense:
Diego Cavalieri; Gum, Edinho e Leandro Euzébio; Igor Julião, Willian (Diguinho), Jean, Felipe (Deco) e Carlinhos; Samuel (Marcos Junior) e Fred. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Goiás: Renan; Vitor, Ernando, Rodrigo Costa e William Matheus; Dudu Cearense (Neto Baiano), David, Renan Oliveira e Hugo (Ramon); Wellington Junior (Eduardo Sasha) e Walter. Técnico: Enderson Moreira.

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 21 de agosto de 2013, em Copa do Brasil 2013 e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: