Grêmio faz o dever de casa, vence o Santos, e avança na Copa do Brasil


por Daniel Malucelli

Grêmio e Santos disputaram nesta quarta-feira, 28, uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Na partida de ida, em Santos, vitória do time da casa por um a zero. O tricolor gaúcho precisava de uma vitória por dois gols de diferença para avançar, e conseguiu. Venceu pelo placar de dois a zero o Santos, suado, sofrido, na raça.

gremio

Werley virou o herói gremista ao marcar gol no fim (Foto: Divulgação/ Gremio FBPA)

Tensão em campo

Renato Gaúcho sabia que o Grêmio precisava vencer. E a tarefa era mais difícil sem Zé Roberto e Elano. Mas foi o time gaúcho que começou pressionando. Pará pela direita incomodou a defesa santista. Alex Telles cobrou escanteio pela direita na cabeça de Barcos, que cabeceou por cima do gol de Aranha. Algumas boas jogadas foram feitas pelo tricolor gaúcho, mas poucas jogadas assustavam o Santos.

O Santos surpreendeu no contra-ataque. O gol só não saiu porque Gabriel se posicionou mal. Um contra-ataque rapidíssimo com Montillo, que tocou para Tiago Ribeiro, o atacante tocou para Gabigol, impedido. Gol bem anulado. E o fim do primeiro tempo sem gols, ainda terminou com um bate-boca , em que Gabriel e Barcos eram os mais exaltados.

Raça Tricolor

O lateral gremista Bressan começou dando um susto na torcida. Aos 6 minutos, ele recuou mal a bola para o goleiro Dida, mas Gabriel chegou antes e quase fez. Até que três minutos depois Barcos e Souza tabelaram, e o argentino cruzou rasteiro para o meia tocar de primeira pro gol. Souza, um a zero Grêmio.

O jogo ficou truncado. O resultado dava pênaltis, na Arena do Grêmio.  Claudinei Oliveira, técnico santista, mexeu no time, e tirou Gabriel para por o recém-contratado Everton Costa.  Ineficiente. Renato Gaúcho também trocou, e foi mais feliz que o adversário. Colocou Maxi Rodriguez em campo, e foi ele que tabelou com Pará, que deixou o zagueiro Werley em condição só de empurrar  a bola pro gol. Dois a zero, aos 42, no finzinho, para a festa da torcida gremista. O Grêmio está nas quartas.

Ficha Técnica

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Data/Hora: 28/08/13, quarta-feira, às 21h50

Público/Renda: 25.871 (pagante), 26.960 (presente). R$ 967.343,00

Cartões Amarelos: Souza, Kléber e Maxi Rodriguez (Grêmio). René Junior e Gustavo Henrique (Santos)

Gols: Souza, aos 9, e Werley, aos 42 do segundo tempo.

Grêmio: Dida; Bressan, Werley, Rhodolfo e Pará; Gabriel, Souza, Riveros (Maxi Rodriguez) e Alex Telles; Kleber e Barcos (Yuri Mamute). Técnico: Renato Gaúcho

Santos: Aranha; Rafael Galhardo, Gustavo Henrique, Durval e Mena; Alison, Renê Junior (Neto), Cícero e Montillo (Léo Cittadini); Thiago Ribeiro e Gabriel (Everton Costa).           Técnico: Claudinei Oliveira

Anúncios

Publicado em 29 de agosto de 2013, em Copa do Brasil 2013 e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: