Grande campanha do Brasil no judô reflete o sucesso do país no esporte


por Renan Araujo

Neste domingo, foi disputado o último dia do Campeonato Mundial de Judô, que aconteceu no Rio de Janeiro durante toda a semana. O Brasil ficou em quarto lugar e conquistou a sua melhor campanha na história, com uma medalha de ouro, três pratas e dois bronzes nas modalidades individuais e mais uma prata na competição feminina por equipes.

Seleção feminina por equipes foi prata nesse domingo (Foto: Divulgação CBJ)

Seleção feminina por equipes foi prata nesse domingo (Foto: Divulgação CBJ)

O judô feminino foi responsável por praticamente todas as medalhas. Rafaela Silva (-57kg) ganhou o ouro, enquanto Erika Miranda (-52kg) e Maria Suellen Altheman (+78 kg)conquistaram a prata e Mayra Aguiar (-78 kg) e Sarah Menezes (-48 kg) levaram o bronze. No masculino, Rafael Silva (+100 kg), que ficou com a prata, foi o único judoca a ganhar uma medalha (Confira aqui a entrevista feita pelo Jornaleiros com o judoca no ano passado).

A competição, que foi disputada no Ginásio do Maracanãzinho, contou com grande público e apoio da torcida durante todos os dias de competições. O torneio também contou com ampla cobertura da imprensa.

E não é de hoje que o judô vem dando grandes alegrias ao Brasil. Em Londres 2012, o esporte rendeu ao país uma medalha de ouro e três de bronze. A modalidade também é a segunda que mais rendeu medalhas ao país em Olimpíadas, com 19 medalhas, apenas atrás do vôlei. Desde que começou a fazer parte do programa olímpico, em Tóquio 1964, apenas em três edições o país não ganhou medalhas. Em campeonatos mundiais, já foram ganhas 29 medalhas.

É por essas e outras que vale a pena investir no judô. O esporte, que conta com cerca de milhares de praticantes e é esporte certo em qualquer programa olímpico, é uma das artes marciais mais apreciadas no mundo. No Brasil, a modalidade está presente em escolas e academias, é um grande celeiro de atletas e já conta co o patrocínio de grandes empresas, como Sadia, Petrobrás,Bradesco, Infraero e outros.

Ainda há muito a ser feito. Novos talentos podem ser descobertos não apenas nos grandes centros, mas por todo o Brasil e devem receber incentivos para continuar a carreira profissionalmente.O judô já é um fenômeno em questão de revelação de novos atletas. Mas pode ser ainda melhor. Afinal, vale a pena investir de alguma forma no esporte.

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 1 de setembro de 2013, em Lutas. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: