O drama, a habilidade e a paixão


por Gabriel Sawaf

Essas três palavras podem definir o que se viu na noite de sexta-feira, no estádio Azteca. O México, fora da zona de classificação da Copa do Mundo, enfrentava o Panamá, que ocupava a vaga para a repescagem contra a Nova Zelândia. O tradicional estádio mexicano estava lotado para a decisão, quase 100 mil pessoas ocupavam a arquibancada para empurrar a seleção rumo à vitória. Só que pela segunda vez no ano, quem foi ao Azteca viu uma partida emocionante, que foi decidida em um lance que ficará gravado na cabeça de casa um dos presentes e dos telespectadores que acompanhavam o jogo em suas casas.

México vence a tensão e segue vivo nas Eliminatórias. Foto: Reuters

A tensão já estava visível nos jogadores na execução dos hinos. Na arquibancada, cada torcedor que segurava seu cachecol ou que balançava sua bandeira, cantava o hino de sua pátria com um frio na barriga.

A seleção do Panamá encarava o jogo mais importante dos últimos anos. Já os mexicanos, não queria deixar que morressem as chances de vir para o Brasil.

Apita o árbitro, o jogo começa. O México vem para cima, tem boas chances, mas peca muito na finalização. Os panamenhos não acertam o último passe para chegarem com tanta frequência ao gol de Uchoa. Quando o empate parecia certo, Peralta recebeu a bola na área e chutou forte na saída do goleiro, 1 a 0 e festa mexicana. 

Começou a segunda etapa, o México vem um pouco mais recuado para manter o resultado favorável.  A chance de ouro ainda caiu no colo dos donos da casa! Aquino caiu na área e o juiz assinalou pênalti. Seria o gol do alívio?

Chicharito assumiu a responsabilidade e errou. Sorte do arqueiro Penedo, que praticou a defesa.

Decepção no Azteca.

O time mexicano ficou completamente abalado. E a consequência da penalidade desperdiçada foi a igualdade no marcador. Tejada recebeu na área, tirou Uchoa e mandou para o fundo das redes. Empate panamenho (com direito a pedido de silêncio aos milhares de mexicanos presentes). Tudo se encaminhava para mais uma tragédia. O drama mexicano persistiria.

Mas veio o lance histórico. O lance que resolveu um jogo. O lance que aumenta a paixão pelo futebol em cada um que admira esse esporte.

O cronômetro já tinha passado dos 40 minutos da etapa final, quando Jimenez dominou a pelota levantando-a. O número 22 fez o mais belo e difícil: virou uma bicicleta! O destino da bola era certeiro: o canto da meta de Penedo. Uma obra de arte.

O estádio foi tomado por uma enorme festa. No apito final, discussão, alívio e lágrimas de Chicharito, que não saiu como vilão da noite por pouco.

Agora os mexicanos precisam de um empate contra a Costa Rica para enfrentar os neozelandeses na repescagem. Já o Panamá vai trabalhar para vencer os Estados Unidos e torcer por uma derrota mexicana.

O Golaço de Jimenez

Opinião do Jornaleiro

Mais uma vez o Azteca, em 2013, viu um lance que vai entrar para a história. Não bastasse o gol do goleiro do América na final do campeonato nacional contra o Cruz Azul,  levando a decisão para a prorrogação e posteriormente para os pênaltis, que dariam o título ao clube do goleiro artilheiro, a seleção tinha que deixar o seu registro. Não consigo imaginar como está o coração de um torcedor americano que foi nesses dois jogos, no mínimo deve ter sofrido umas 10 paradas. O futebol mexicano traz aos apaixonados por futebol mais um episódio de seu drama apaixonante, decidido da forma mais inusitada e adorada pelos fãs do esporte, fazendo com que cada coração futebolístico pulse mais forte por esse esporte tão surpreendente e fascinante.

Anúncios

Sobre Jornaleiros do Esporte

Site sobre esportes dos alunos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Email : jornaleirosdoesporte@gmail.com Twitter : @Jesporte Facebook : http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002390365816

Publicado em 12 de outubro de 2013, em Futebol Internacional e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: